Raposa Serra do Sol: Assembleia de catequistas reforça iniciação à vida cristã

Em sintonia com o Sínodo para a Amazônia, a Igreja em Roraima caminha de mãos dadas com as comunidades indígenas na missão de anunciar o Reino de Deus na história de resistência e compromisso de fé.

AssembleiaA Terra Indígena Raposa Serra do Sol (TI RSS) no Estado de Roraima, norte do Brasil é habitada por mais de 20 mil indígenas Macuxi, Wapichana, Taurepang, Ingaricó e Patamona. A população vem crescendo organizada em mais de 200 aldeias ou comunidades nas regiões de Surumu, Serras, Baixo Cotingo e Raposa.

A evangelização nas comunidades tem a participação ativa dos catequistas e lideranças. Em sintonia com o Sínodo para a Amazônia, com o objetivo de unificar a caminhada e refletir sobre o processo de iniciação à vida cristã, cerca de 400 catequistas das quatro regiões da TI RSS estiveram reunidos, nos dias 24 a 28 de janeiro 2019, na comunidade do Barro em Surumu, para a IV Assembleia.

“Iniciação à vida cristã na perspectiva do Sínodo e da REPAM” foi o teme central do encontro que contou com a presença do bispo de Roraima, Dom Mário Antônio, entre outros convidados.

Valorização das línguas indígenas

P. RonaldoUma das preocupações é iniciar as novas gerações na fé cristã por meio de uma catequese inculturada que inclua a valorização e o uso das línguas indígenas. O padre Ronaldo B. MacDonell, linguista canadense, da Sociedade Missionária de Vida Apostólica (SOMIVA), coordena o projeto de resgate e valorização da língua macuxi por meio de estudos, publicações e seminários nas comunidades.

Presentes na região desde 1948, em 1971 os missionários da Consolata fizeram a opção pelos indígenas e em 1972 passaram viver nas comunidades ao lado do povo. Ao longo dos anos, “o Plano de Deus sobre nós” orientou a ação evangelizadora integrando fé e vida onde a libertação da terra era o objetivo principal. Hoje acompanham os povos indígenas sete missionários da Consolata: os padres africanos Philip Njoroge Njuma, James Murimi Njimia, Joseph Musito, Jean-Claude Bafutanga, Joseph Mugerwa, Gabriel Ochieng; e o experiente Irmão italiano Francisco Bruno. Atuam na área também, três missionárias da Consolata: as Irmãs Maria Thereza Thukani, Kibinesh Amanuel e Alda Raffaela.

Catequista Jeronimo coordenador da AssembleiaA programação da Assembleia incluiu reflexões sobre o Sínodo para a Amazônia e a REPAM, a conjuntura do governo atual e as possíveis ameaças aos direitos dos povos indígenas. Luiz Ventura, Leigo Missionário de Consolata e coordenador do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) em Roraima, recorda as principais demandas dos povos indígenas na atual conjuntura: 1. Proteção dos direitos indígenas previstos na Constituição Brasileira; 2. Demarcação das Terras Indígenas; 3. Garantia dos direitos humanos e combate à violência contra indígena; 4. Reconhecimento dos povos originários e de sua cultura ancestral; 5. Contra a transferência da Funai para o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos; 6. Contra a transferência da demarcação de terras indígenas para o Ministério da Agricultura.

Essas reivindicações fazem parte da Campanha nacional “Sangue Indígena, Nenhuma Gota a Mais!”

Resistência e compromisso

A TI RSS tem 1,7 milhão de hectares e foi homologada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2005, após 34 anos de luta que custou a vida de 21 indígenas e representou uma aula de resistência.

DSC_4985Foi exatamente na Missão Surumu que em 1977, uma centena de indígenas e aliados estavam reunidos, numa das primeiras assembleias, quando baixou a repressão militar. Mas eles não se intimidaram. Dispersaram para continuar a Assembleia em outro lugar. Foi o início da resistência e busca de autonomia do movimento indígena. Talvez por isso que, em 2005, essa Missão teve a igreja, a escola e o Centro de Saúde queimados em um dos tantos ataques a mando dos fazendeiros.

O marco histórico da luta foi o compromisso “Ou Vai ou Racha” quando os indígenas, em 26 de abril de 1977, reunidos em Maturuca, aldeia a 320 quilômetros de Boa Vista, resolveram dizer “não à bebida alcoólica e sim à comunidade”, iniciando o processo de organização que culminou com a criação do Conselho Indígena de Roraima (CIR).

Por Jaime C. Patias, IMC, Conselheiro Geral para América

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

slot online situs slot gacor slot online slot gacor slot gacor situs judi slot gacor situs judi slot online situs judi toto slot gacor slot gacor judi slot slot online slot online judi slot slot gacor situs slot slot gacor 2022 slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor situs slot gacor slot gacor https://cedu.uninorte.edu.co/wp-includes/ https://web.ics.purdue.edu/~asub/wp-includes http://blog.iconect.pctguama.org.br/ https://votoinformado.unam.mx/wp-includes https://epay.guaynabocity.gov.pr/epay/wp-includes https://reclamos.sistemasmlh.gob.ar/css/ slot pulsa slot deposit pulsa http://statconfig.sci.unhas.ac.id/assets/nexus-slot http://icob.sci.unhas.ac.id/nexus-slot/ https://www.aris.sc.gov.br/frontend/web/images/ https://aptta.org.ar/wp-includes/ https://icvb.org.tr/wp-includes https://filba.org.ar/images/ https://apps.santaisabel.sp.gov.br/ https://santaisabel.sp.gov.br/esd/ https://tzg.ttf.unizg.hr/wp-includes/ https://iif.edu/images https://mannaandbaby.or.jp/wp-content/uploads/slot-gacor/ toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor

Link partner: 77lucks dewagg liveslot168 hoki99 luck365 qqmacan kingceme agen338 maxwin138 javaplay88 slot5000 idngg vegas88 gen777 mild88 kaisar888 gem188 ligaplay88 laskar138 slotsgg toto togel toto slot bet88 infini88 pg slot idn poker sbobet judi bola slot88 warungtoto pokerseri vegas77 vegasslot77