Jubileu de 50 anos do Conselho Missionário Nacional (COMINA)

Por Pe. Daniel Luz Rocchetti, SAC *

No horizonte missionário, é sempre muito claro e reconhecido que a missão não se faz sozinho. Nosso Senhor Jesus Cristo, em determinado momento, embora sendo o grande Missionário do Pai (cf. Hb 3,1), chamou para mais perto de si alguns homens e mulheres que, da convivência com Ele, foram aprendendo como ser e como viver, no estilo que Ele propunha (cf. Mc 3, 13-19). Em consequência do discipulado, quais apóstolos e missionários foram enviados para onde Ele mesmo deveria ir. Mais adiante, ao olhar os desafios do trabalho e da missão, Jesus pede ao Pai que enviasse tantos mais operários à Sua messe (cf. Mt 9, 37ss). Portanto, a missão não é algo que se faz sozinho!

Saber como podemos colaborar com a missão se expressa na própria abertura de Nosso Senhor, ao contar com nossas forças e ajuda, ainda mais que Ele prometeu estar conosco até o fim, confirmando o anúncio que realizamos (cf. Mt 28,20). Também somos convidados a refletir e reconhecer que, juntar as mãos, caminhar juntos, pé a pé, com outras tantas pessoas, torna-se um eficaz testemunho bíblico-cristão. Com o mundo dividido e competitivo, realizar algo em conjunto é um desafio profético. Ocasiona, mais uma vez, reconhecermos que a missão, por ela mesma, não se realiza solitariamente.

Nesse sentido, a Congregação para Evangelização dos Povos, responsável por toda a articulação missionária da Igreja escreveu um importante documento sobre esse tema. É o documento Cooperatio Missionalis. Nele, lemos que a “cooperação é o primeiro fruto da animação, entendida como um espírito e uma vitalidade a encorajar os fiéis, as instituições e as comunidades à responsabilidade universal, à formação da consciência e mentalidade missionárias e de orientação ad gentes. Por isso, toda iniciativa de animação missionária se dirige sempre para o seu objetivo: formar o povo de Deus para a missão “específica”, suscitar boas e numerosas vocações missionárias, promovendo toda forma de cooperação na evangelização” (Cooperatio Missionalis, n.2).

O documento trata ainda da importância para que cada Conferência Episcopal una forças e articule organismos eclesiais, em vista de uma conscientização missionária e uma missão mais incisiva e de largos horizontes ad gentes: “Para alcançar maior unidade e eficácia operativa na animação e cooperação, e para evitar concorrências e paralelismos, a Conferência Episcopal constitua um Conselho Missionário Nacional (COMINA), do qual se sirva para programar, executar e rever as principais atividades de cooperação em âmbito nacional” (CMi, n. 12).

É interessante recordar que esse documento é datado do ano de 1998, já destinado para a Igreja no Brasil, no alimento à intuição voltada à organização e articulação do que se concretizou em 1972! Sim, sim: no Brasil de 1972, há 50 anos, viu-se a necessidade de fortalecer a missão e as questões afins, unindo as forças dos organismos eclesiais missionários: a CNBB, as POM, a CRB, e o CIMI recém-nascido! Assim, em novembro de 1972, conforme breve informação nas Atas do Conselho Permanente da CNBB daquele mês, foi instituído o Conselho Missionário Nacional – COMINA.

O atual Regulamento diz que o COMINA: “é uma instituição estabelecida pela Santa Sé e constituída pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), para articular os organismos e instituições missionárias da Igreja no Brasil e, assim, alcançar maior unidade e eficácia operativa na animação e cooperação missionária” (Art. 1), e que tem por finalidade:
a) Promover a articulação das instituições missionárias atuantes no País, entre si, com as Pontifícias Obras Missionárias (POM) e com a CNBB.
b) Estudar e apresentar soluções articuladas para as questões missionárias de maior relevância, relativas a todo o território nacional.
c) Promover, acompanhar e animar os Conselhos Missionários Regionais (COMIREs).
d) Cooperar com a CNBB e as instituições missionárias na elaboração e execução de projetos de atuação missionária dentro e fora do País.
e) Fomentar iniciativas de animação, formação e cooperação missionária.

Após esses 50 anos de caminhada articulada como um Conselho Missionário Nacional, continua em sua composição os mesmos organismos missionários iniciais, com a CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil; as POM – Pontifícias Obras Missionárias; a CRB – Conferência dos Religiosos do Brasil; o CIMI – Conselho Indigenista Missionário; e também a CNISB – Conferência Nacional dos Institutos Seculares do Brasil; a CNLB – Conferência dos Leigos do Brasil; a REPAM – Rede Pan Amazônica; e alguns outros organismos. Por meio de uma secretaria executiva, o COMINA articula a animação à vida missionária da Igreja, alcançando todos os organismos do Povo de Deus e grupos de fiéis.

De forma muito especial, o COMINA busca mobilizar o Povo de Deus a partir de importantes Conselhos Missionários em todos os segmentos da Igreja, com os COMIRE´s – Conselhos Missionários Regionais; os COMIDI´s – Conselhos Missionários Diocesanos; e os COMIPA´s – Conselhos Missionários Paroquiais. Cada um desses conselhos tem grande valor, na preciosa tarefa de a Igreja não ter como esquecer da sua natureza missionária (cf. AG2), porque é a ela (e por extensão, a cada um de nós), que Jesus disse: “Como o Pai me enviou, eu também vos envio” (Jo 20, 21).

* Assessor da Comissão Episcopal para Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

slot online situs slot gacor slot online slot gacor slot gacor situs judi slot gacor situs judi slot online situs judi toto slot gacor slot gacor judi slot slot online slot online judi slot slot gacor situs slot slot gacor 2022 slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor slot gacor situs slot gacor slot gacor https://cedu.uninorte.edu.co/wp-includes/ https://web.ics.purdue.edu/~asub/wp-includes http://blog.iconect.pctguama.org.br/ https://votoinformado.unam.mx/wp-includes https://epay.guaynabocity.gov.pr/epay/wp-includes https://reclamos.sistemasmlh.gob.ar/css/ slot pulsa slot deposit pulsa http://statconfig.sci.unhas.ac.id/assets/nexus-slot http://icob.sci.unhas.ac.id/nexus-slot/ https://www.aris.sc.gov.br/frontend/web/images/ https://aptta.org.ar/wp-includes/ https://icvb.org.tr/wp-includes https://filba.org.ar/images/ https://apps.santaisabel.sp.gov.br/ https://santaisabel.sp.gov.br/esd/ https://tzg.ttf.unizg.hr/wp-includes/ https://iif.edu/images https://mannaandbaby.or.jp/wp-content/uploads/slot-gacor/ toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor toto slot gacor

Link partner: 77lucks dewagg liveslot168 hoki99 luck365 qqmacan kingceme agen338 maxwin138 javaplay88 slot5000 idngg vegas88 gen777 mild88 kaisar888 gem188 ligaplay88 laskar138 slotsgg toto togel toto slot bet88 infini88 pg slot idn poker sbobet judi bola slot88 warungtoto pokerseri vegas77 vegasslot77