CCM conclui curso “Amazônia e missão: novos caminhos à luz do sínodo” em parceria com a REPAM-Brasil

De 13 a 16 de setembro, o Centro Cultural Missionário (CCM), organismo vinculado à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) realizou, de forma online, o curso “Amazônia e Missão: Novos caminhos à luz do Sínodo”.

A formação sobre o Sínodo proposta pela REPAM-Brasil traz uma reflexão sobre a realidade da “Amazônia à luz do documento final do Sínodo para dos Bispos, realizado em Roma em outubro de 2019, que tem como tema: “Novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral”.

O bispo de Chapecó (SC) presidente da Comissão para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB e presidente do Conselho Missionário Nacional (COMINA), dom Odelir José Magri, participou da aula de encerramento, agradeceu a participação de todos e enalteceu a possibilidade que a formação online tem dado para formar multiplicadores.

“Destaco como prioridade a formação e é nesse sentido que se encaixa estes cursos on-line, que esperamos em breve que sejam presenciais, nessa intenção de formar então multiplicadores no sentido missionário nas diferentes realidades da nossa Igreja no Brasil”, disse.

Os quatro dias de curso foram assessorados pela perita do Sínodo, professora de Sociologia na Universidade Federal de Roraima e assessora da REPAM-Brasil, Márcia Oliveira e pelo diretor do Instituto de Teologia Pastoral e Ensino Superior da Amazônia (ITEPES) e assessor da REPAM-Brasil, padre Ricardo Castro.

Ainda segundo dom Odelir, “esse curso diretamente ligado à Amazônia nos coloca nessa sintonia bonita do Sínodo, do pós-sínodo e deste olhar de uma igreja em saída, que olha para as realidades de fronteiras, seja no contexto do nosso Brasil, mas também para as realidades de missão”.

De acordo com a organização, a intenção é contribuir com toda a Igreja do Brasil e não apenas da Amazônia. “O cenário pandêmico tem exigido um distanciamento das pessoas e a não realização de atividades presenciais. Com isto, a criatividade e a exploração do universo digital tem sido um imperativo contemporâneo”, destaca o documento de apresentação do curso.

“A formação teve como objetivo capacitar lideranças pastorais de todo o Brasil no conhecimento, na reflexão e no exercício da missionariedade a partir dos desafios da missão na Amazônia e no mundo, à luz do Sínodo para a Amazônia e de seu processo sinodal fazendo com que se conheça o trabalho que muitos missionários e missionárias há séculos vem desenvolvendo naquela região do Brasil”, destaca o diretor do Centro Cultural Missionário (CCM), o padre Djalma Antônio da Silva.

Temas Trabalhados:
Dia 13/9 – Realidade Amazônica – conjuntura socioambiental, cultural e eclesial.
Dia 14/09 – Documento Final do Sínodo para a Amazônia – Um chamado à conversão.
Dia 15/09 – Querida Amazônia – os sonhos de Francisco.
Dia 16/09 – Eclesiologia Amazônica – Inculturação e Interculturação do Evangelho.

Próximos cursos:
De 1 a 19 de novembro, o CCM irá realizar, de forma virtual, o curso ‘Ad Gentes – extensão para missionários e missionárias enviados além-fronteiras’. A formação é uma iniciativa promovida pelo CCM, em parceria com a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) e a Comissão Episcopal Pastoral para Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB. O curso é intensivo e tem a duração de três semanas, sempre na parte da manhã. Caso alguém desejasse um aprofundamento na parte da psicologia e/ou de um acompanhamento espiritual, estes serão disponibilizados na parte da tarde.

Mais detalhes no site: ccm.org.br

Fonte: CNBB

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados