37ª Assembleia do COMINA impulsiona a animação missionária e encaminha o 5º Congresso Missionário Nacional

No último domingo, 14 de agosto, terminou a 37ª Assembleia do Conselho Missionário Nacional (COMINA). Realizada durante a última semana, a assembleia reuniu 50 participantes, entre bispos, padres, religiosas, leigos e leigas que compõem os Conselhos Missionários Regionais (COMIREs), membros das comissões Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial e Episcopal Especial para a Amazônia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), diretor e secretários das Pontifícias Obras Missionárias (POM), representantes das instituições e organismos missionários membros do COMINA. O encontro teve como tema: “Ano Jubilar Missionário: Igreja em estado permanente de missão” e lema: “Sereis minhas testemunhas até os confins do mundo” At 1,8.

A assessora da Comissão para a Ação Missionária da CNBB, irmã Sandra Amado, definiu a assembleia como um momento desejado de encontro de escuta e do saudável debate. Ela destacou os momentos de convívio descontraído e felizes, principalmente durante a noite cultural em que cantaram e dançaram a ‘alegria de ser missionários e missionárias, colaborando com a missão Deus’.

“A Igreja é missão porque colabora com a missão Deus no mundo. Deus é amor, ama a cada ser humano e envia a Igreja em missão aos confins do mundo. Ficamos todos impactados por este encontro sinodal entre irmãos e irmãs que doam a vida na missão com ardor e paixão: tudo, tudo pela missão”, sintetiza.

Oportunidade de encontro e animação
De acordo com o assessor da Comissão para a Ação Missionária da CNBB, padre Daniel Rocchetti, a assembleia traduziu-se numa oportunidade de reencontro e de animação entre os vários agentes missionários e dos diferentes regionais. “Oportunidade para escutarmos e colhermos as dúvidas e as angústias diante do desafio crescente do atuar missionário, já que mesmo antes da pandemia, alguns pontos tinham sido identificados e foram agravados pela crise sanitária. A assembleia do Conselho Missionário Nacional é sempre uma oportunidade de renovar nosso entusiasmo e emprenho missionários”, disse.

Ele aponta também que foi um momento importante de atualização da reflexão missiológica, para iluminar os desafios do mundo e do tempo atuais. Durante os quatro dias de encontro, foi feita uma avaliação dos trabalhos conduzidos pelos diferentes grupos em vista da realização da concretização do Programa Missionário Nacional (PMN). Como as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora (DGAE) 2019-2023, o PMN também sofreu adaptações nos prazos, com sua validade estendida para além do ano 2023.

5º Congresso Missionário Nacional
A 37ª Assembleia do COMINA também fez a partilha dos vários projetos missionários além fronteiras, das experiências do projeto das Igrejas Irmãs e a articulação das Campanhas Missionárias, com a prestação de contas das ultimas edições e a motivação para as próximas.

Uma novidade foi sobre a reflexão e a decisão do tema do 5º Congresso Missionário Nacional, marcado para os dias 11 a 15 de novembro de 2023, na arquidiocese de Manaus (AM). O congresso nacional é promovido pelas POM, em parceria com os organismos do COMINA. O tema será: “IDE! Da Igreja Local aos confins do mundo” e o lema será “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24). O Tema ajudará na conscientização missionária além-fronteiras da Igreja local e o lema faz conexão com o Ano Vocacional 2023.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados