Sudão do Sul: mais de 4.500 crianças reintegradas às suas famílias

Sudão do Sul: mais de 4.500 crianças reintegradas às suas famílias

País mais jovem do mundo, Sudão do Sul vive guerra civil que em três anos criou uma crise humanitária esquecida com mais de 400 mil refugiados em 2016.

Após anos de separação, pelo menos 4.563 crianças foram reintegradas às suas famílias. “Desde 2013, 9.046 casos de crianças em busca de seus familiares ainda estão em sendo analisados”, lê-se em nota do porta-voz local Unicef.

Devido ao conflito em andamento no Sudão do Sul, foram desalojados cerca de 900 mil menores, 14.628 dos quais foram registrados como separados e dispersos de suas famílias desde dezembro de 2013 e portanto, expostos ao risco de abusos. Quase 1.200 em consequência direta da guerra. Além disso, a nota recorda que desde o início da guerra civil no Sudão do Sul entre o governo e os grupos rebeldes, mais de 16 mil crianças foram recrutadas como soldados.

O Sudão do Sul é um país no nordeste da África. Faz fronteira com o Sudão, a Etiópia, o Quênia, Uganda, a República Democrática do Congo e a República Centro-Africana. Era uma parte do Sudão até 2011, quando se tornou independente. A capital do Sudão do Sul é Juba. O país tem 11.563.000 habitantes (estimativa de 2014) e sua área é de 644.330 km2.

Fonte: Agência Fides

comment Ainda não há comentários.

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário.

mode_editDeixe uma resposta

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu