Seminaristas da Diocese de Campos (RJ) farão experiência missionária na Amazônia

Seminaristas da Diocese de Campos (RJ) farão experiência missionária na Amazônia

Dois seminaristas da Diocese de Campos (RJ) farão experiência missionária de 20 dias na Diocese de Xingú-Altamira (PA), na região da Amazônia. Raphael Ferreira e Fabrício Reis terão uma breve experiência com o objetivo de despertar um ardor missionário e uma tomada de consciência da realidade e das necessidades da Igreja e dos povos neste nosso país de dimensões tão grandes e culturas tão diversas. Ainda uma atitude concreta de acolhida do mandato de Jesus de anunciar o Evangelho e da experiência de uma igreja em missão.

Para o Seminarista Fabrício Reis a experiência missionária é fundamental em todo o processo de formação sacerdotal, tendo em vista que a própria igreja esta em estado permanente de missão. “Para mim essa experiência de missão na Amazônia é uma oportunidade privilegiada de ouvir a voz da igreja daquela região, sobretudo ainda nesse contexto do Sínodo para a Amazônia, que desapertou para a atenção de necessidades da Igreja Amazônica, bem como a cultura, as alegrias e sofrimentos daquele povo”, destaca Fabrício.

Na opinião de Fabrício essa experiência produzirá muitos frutos positivos para a caminhada vocacional e mesmo em um curto espaço de tempo, mas suficiente pára despertar um ardor missionário como deseja o Papa Francisco. “Estamos muito animados e nutridos pelo Evangelho de Cristo, razão de nossa vocação, cujo seguimento é sempre uma aventura de amor”, reflete.

Dom Roberto Francisco ressalta que o envio de dois seminaristas Teólogos de quarto ano faz parte da formação missionária. Significa um gesto de comprometimento com a igreja amazônica e um processo de um engajamento na missão de uma igreja em constante estado de missão. “É um processo de alargamento da consciência de nossa responsabilidade de assumir o cuidado da Casa Comum numa perspectiva da Ecologia Integral e da conversão a uma vida simples e sóbria condições para servir com mais autenticidade e fidelidade a Cristo o Bom Pastor”, reflete Dom Roberto.

comment Ainda não há comentários.

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário.

mode_editDeixe uma resposta

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu