Sacerdote de Minas Gerais fará experiência missionária na Diocese de Óbidos (PA)

Sacerdote de Minas Gerais fará experiência missionária na Diocese de Óbidos (PA)

Na noite do último domingo, 8 de março, a Matriz Nossa Senhora de Lourdes, em Juiz de Fora (MG), ocorreu a missa de envio do Pe. Leonardo Loures Valle. O sacerdote inicia, esta semana, uma missão de seis anos na Diocese de Óbidos (PA), Igreja-Irmã da Arquidiocese de Juiz de Fora. A Eucaristia foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, e concelebrada por vários padres e Diáconos.

IMG-20200310-WA0088Em entrevista, Dom Gil contou que o retorno do presbítero juiz-forano ao Norte do Brasil partiu de um pedido do Bispo de Óbidos, Dom Bernardo Bahlmann, devido à sua experiência anterior na Amazônia e pela necessidade de padres no local. “Embora seja um grande sacrifício para nós, já que o Padre Leonardo é um trabalhador intenso aqui na Arquidiocese, organizador do COMODI, achamos que lá precisa, mais do que nós, de padres. Pedimos a Nosso Senhor que abençoe o trabalho dele, que abençoe Dom Bernardo e toda a Diocese de Óbidos, para que ali Jesus seja cada vez mais conhecido e mais amado”.

O Arcebispo ainda ressaltou as qualidades do sacerdote, que nos últimos dois anos trabalhou como pároco da Paróquia Santo Antônio do Paraibuna e como assessor espiritual do Conselho Missionário Diocesano (Comidi). “Pe. Leonardo é muito dedicado, não mede sacrifícios, trabalha de sol a sol, é um homem completamente dedicado à missão da Igreja. Desapegado de qualquer bem material, é um sacerdote verdadeiro neste sentido, de doação completa. Depois, ele também tem muita facilidade para organizar a pastoral, para comunicar-se com o povo; são dons que Deus deu a ele e que nós ficamos felizes de, na pessoa dele, oferecer à Diocese de Óbidos, ao povo da Amazônia”, finalizou.

FB_IMG_1583841250199Após receber homenagens do Comidi e da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, onde cresceu e descobriu sua vocação, Padre Léo tomou a palavra e contou aos presentes um pouco de sua experiência na Amazônia. “Compreendi que é, de fato, uma oferta que estamos fazendo àquela Igreja. Uma oferta à Diocese de Óbidos, uma oferta à Amazônia. Nossa diocese não tem padres sobrando para enviar, mas brota do coração do nosso Arcebispo esse gesto generoso que vai em comunhão com a nossa Igreja, que já em Medellín foi nos dizer que ninguém é tão pobre que não pode ofertar a sua pobreza, a sua miséria”.

O padre ainda lembrou o pedido recente do Santo Padre. “Agora, há pouco tempo, o Papa Francisco, ao nos presentear com o documento ‘Querida Amazônia’, faz o apelo para que aqueles que tenham vocação missionária sejam enviados à Amazônia. E, assim, eu retorno, atendendo a um apelo do Papa e também do nosso Arcebispo, que tem um carinho muito grande por este projeto. Por muito amor à Igreja, eu volto à missão. É importante compreender que a Igreja é universal e a missão ad gentes, que é a missão além fronteiras, é fundamental”.

Fonte: Arquidiocese de Juiz de Fora (MG)

comment Ainda não há comentários.

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário.

mode_editDeixe uma resposta

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu