Barcelona: Missa pela paz será na Basílica da Sagrada Família

Barcelona: Missa pela paz será na Basílica da Sagrada Família

Basílica da Sagrada Família da capital catalã acolherá uma missa em memória das vítimas dos atentados terroristas de Barcelona e Cambrils

“O Santo Padre condena a violência cega que é uma ofensa gravíssima ao Criador e eleva sua oração ao Altíssimo para que nos ajude a seguir trabalhando com determinação pela paz e a concórdia no mundo”.

Após as declarações do Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé no início da noite de quinta-feira manifestando a preocupação do Papa pelo atentado ocorrido em Barcelona, no telegrama enviado esta sexta-feira ao arcebispo de Barcelona, dom Juan José Omella y Omella, o Pontífice condena o atentado e exorta a seguir os esforços em favor da paz.

AP4107052_ArticoloFrancisco expressa ainda “seu mais profundo pesar pelas vítimas que perderam a vida em uma ação tão desumana e oferece sufrágios pelo descanso eterno”.

Na mensagem assinada pelo Cardeal Secretário de Estado, Pietro Parolin, o Papa diz que “nestes momentos de tristeza e de dor, quer fazer chegar também seu apoio e proximidade aos numerosos feridos, a suas famílias e a toda a sociedade catalã e espanhola”.

Com o desejo de que Deus “nos ajude a seguir trabalhando com determinação pela paz e a concórdia no mundo”, Sua Santidade “invoca sobre todas as vítimas, seus familiares e o querido povo espanhol, a Bênção Apostólica”.

No início da noite de quinta-feira o porta-voz do Vaticano, Greg Burke, havia divulgado um comunicado dizendo que “O Santo Padre está ao lado do povo espanhol, especialmente dos feridos e das famílias das vítimas”.

A Igreja espanhola condena
Proximidade e oração pelas vítimas e suas famílias, apoio à sociedade e às forças policiais e firme condenação do atentado: assim os bispos do país se expressam em nota difundida logo após o ataque que abalou a cidade. Segundo fontes oficiais, são 13 os mortos e 80 os feridos, dos quais 15 em estado grave.

“Diante deste episódio trágico e abominável – consta na nota – a Conferência Episcopal Espanhola condena toda demonstração de terrorismo, prática intrinsecamente perversa, totalmente incompatível com a visão moral da vida. Não apenas lesa seriamente o direito à vida e à liberdade, mas é a mais dura demonstração de intolerância e totalitarismo”.

“Pedimos a todos os fiéis que elevem orações a Deus para que conceda o descanso eterno aos falecidos, restabeleça a saúde das outras vítimas, dê consolo às famílias e preencha de paz o coração das pessoas de boa vontade, a fim de que nunca mais se repitam atos tão deploráveis”, encerra o comunicado.

Missa pela paz será na Basílica da Sagrada Família
Domingo 20 de agosto, às 10h, a Basílica da Sagrada Família da capital catalã acolherá uma missa solene em memória das vítimas dos atentados terroristas de Barcelona e Cambrils. O arcebispo metropolitano de Barcelona, Juan José Omella, presidirá conjuntamente com o auxiliar, Dom Sebastià Taltavull, a celebração na intenção das vítimas, da recuperação dos feridos e do acompanhamento de seus familiares.

A missa será aberta a toda a cidadania e o ingresso estará livre pelas duas fachadas. A celebração habitual da missa internacional das 9h fica anulada esta semana.

Em tweet publicado na manhã de sábado (19/08), o Papa Francisco escreve: “Rezo por todas as vítimas dos atentados destes dias. Que a violência cega do terrorismo não encontre mais espaço no mundo”.

A Sagrada Família é o monumento mais visitado da Espanha
A obra do arquiteto Antonio Gaudí começou a ser construída em 1882. A construção é totalmente financiada com as entradas dos visitantes e doações. A finalização da obra está prevista para 2026.

Neste sábado (19/08), a Basílica recebe visitantes normalmente e apesar da tristeza do momento, as atividades decorrem como o habitual, com a máxima segurança.

A obra pastoral da Arquidiocese de Barcelona compreende toda a região metropolitana, que conta cerca de 3 milhões de habitantes, e duas dioceses sufragâneas, Terrasa e Sant Feliu de Llobregat.

Fonte: Rádio Vaticano

comment Ainda não há comentários.

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário.

mode_editDeixe uma resposta

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu